A pulseira é um dos acessórios mais fáceis de utilizar: basta apenas uma (por mais simples que seja) para dar, de imediato, um toque extra ao look e isso ajuda a revelar um pouco mais do homem que a carrega, sem sequer dizer uma palavra.

pulseiras

Longe vão os dias em que as pulseiras eram um acessório tendencialmente associado ao público feminino. Nos dias de hoje, além de os homens recorrerem vulgarmente a esta peça para dar um twist ao look, as marcas têm apostado cada vez mais em materiais diferentes, pelo que a variedade aumenta. Apesar de tudo, há ainda quem tenha receio de investir em peças mais fora do usual e tenda a ignorar pulseiras com mais detalhes ou feitas em materiais não tão comuns.

Recentemente, o sucesso deste acessório tem sido dividido entre as peças de pedras naturais, as de aço inoxidável e as de pele genuína, podendo surgir numa versão mais grossa que vulgarmente chamam de bracelete. Neste artigo tentamos reunir algumas dicas de como usar pulseiras masculinas:

  • Para os que se estão a iniciar nestas 'andanças', convém usar apenas uma peça, preferencialmente mais simples, e - pouco a pouco - ir adicionando novas, sempre com o cuidado para não pecar pelo excesso ou desequilíbrio.
  • A peça deve ser sempre proporcional ao tamanho do pulso. Para pulsos finos, acessórios mais estreitos e para pulsos mais grossos, acessórios mais largos.
  • Decidir a(s) pulseira(s) apenas depois de ter escolhido o look integral, complementando-o em consonância e não o contrário. 
  • Pulseiras coloridas são ideais para quebrar a formalidade de um look onde cores neutras são o foco. 
  • Para visuais minimalistas, peças igualmente minimalistas formam uma boa dupla, garantindo equilíbrio e mostrando que, apesar de estar vestido de maneira simples, o homem não descura o estilo.
  • Apostar em modelos que misturem materiais, como aço e pele ou pedras natuais e aço. 
  • Se se usar várias pulseiras num mesmo look, o ideal é optar pelas peças que têm um tom mais escuro dentro daquela família de cor. Além disso, misturar cores e materiais é um desafio, mas se for bem feito dá um toque de glamour ao visual. Neste caso em particular, deve evitar-se combinar pulseiras largas em metal. Alguns exemplos:
    • Combinar uma pulseira em pele preta com uma pulseira de pedras de cor natural
    • Combinar pulseiras em pele castanha e pulseiras em aço inoxidável
    • Combinar pulseiras em pele com pulseiras de contas para um toque boémio
  • Ao conjugar várias peças, deve fazer-se em apenas um dos pulsos. Usar várias pulseiras nos dois pulsos fica pesado e sobrecarrega o outfit. 
  • Para contextos formais, a recomendação é usar uma pulseira fina e discreta, ou então uma corrente prateada ou dourada que combine com a cor dos botões de punho, por exemplo.

Acima de tudo é importante garantir que a escolha dos acessórios está de acordo com a tua personalidade e com a mensagem que pretendes passar. 

pulseiras